quarta-feira, 2 de julho de 2008

Uma nova era que se inicia

Sob aplausos de diversos vascaínos ilustres e até mesmo de pessoas ligadas ao Flamengo, Roberto Dinamite assumiu ontem a presidência do Vasco, realizando o sonho da maior parte da nossa imensa torcida. João Havelange (presidente de honra da FIFA), Carlos Arthur Nuzman (presidente do COB), Orlando Silva (ministro dos Esportes) e o governador do Rio Sérgio Cabral Filho foram algumas das autoridades presentes. Além deles, grandes vascaínos, como o cantor Erasmo Carlos, o goleiro Carlos Germano, Arthur Sendas e os atores Antônio Pitanga e Bruno Mazzeo. O presidente do Flamengo Márcio Braga e o ex-ídolo rubro-negro Júnior também marcaram presença e parabenizaram o ex-jogador pela conquista.
Com a chegada de Roberto ao poder, surge em todos os corações vascaínos a esperança de uma nova era. Um tempo sem truculências, sem rivalidades e de democracia. Onde aqueles que amam o Vasco se reúnam e façam a vontade da maioria, ao invés da vontade de uma única pessoa. Vitórias e títulos são frutos do trabalho e ainda que não venham, o que queremos ter é a certeza de que o trabalho está sendo feito da melhor forma, para que possamos não apenas nos orgulhar da nossa história de democracia incomparável, mas também do nosso presente.
Nosso clube sempre foi um dos mais bem-vistos do país, coisa que mudou nos Anos Eurico. Que o carinho popular volte ao Cruzmaltino e com ele patrocínios, parcerias e capital. Não queremos apenas participar dos torneios. Queremos times que nos orgulhem, ídolos que inspirem nossas crianças e que nos motivem a ir ao estádio. Chega de ver São Januário vazio em dias de jogos. Essa é a hora daqueles que estavam com o sentimento adormecido despertarem. A hora de vestir a camisa com orgulho e estufar o peito, sem que nada possa envergonhar. (*infelizmente há pessoas que se envergonhavam de vestir a camisa por causa do Eurico).
O clima de alegria da torcida contagiou o elenco. Em clima descontraído, o novo presidente, que acumulará a função de vice de futebol, cumprimentou os jogadores e cantou com eles o tradicional grito de Casaca.
Que novos ventos pairem na Colina!
.
Respondendo aos comentários:
Fábio - Quando o Bota fechou com o Geninho, temi pelo pior e parece que eu estava certo, infelizmente. Torço pela melhora de vcs na competição. É um grande orgulho ter o Roberto na presidência e espero que ele honre o posto. Quando nos encontrarmos, cada um do seu lado, no mais, torcida pro futebol do Rio (menos pra mulambada). Abração e sds!
.
Sds vascaínas a todos!

6 comentários:

Jorge Costa disse...

Começou uma nova era do C.r. Vasco da Gama.Com Dinamite tomando posse é o começo de uma caminhada rumo ás vitórias do nosso Expresso.
Abraços vascaínos

Carlão Azul disse...

A responsabilidade do Dinamite aumenta a cada dia, a torcida espera muito dele. Vamos torcer pra que ele tenha folego pra implementar todas as mudanças que a torcida anseia.

Saudações Celestes
SITE/BLOG.....CRUZEIRO: O MAIOR DE MINAS
Sou Cruzeirense - Site
Sou Cruzeirense - BLog
ENTREM E SINTAM-SE A VONTADE

leonardotc2 disse...

Depois de tudo que o dinamite fez pelo Vasco e de tanta persistência, ele merecia um chance de comandar, vamos ver como se comporta.

fábio gomes disse...

louzada,

sobre a resposta ao seu comentário, no futebol do rio, só vejo motivos para torcer pelas forças de botafogo e vasco.
a mulambada, nem preciso explicar.
e o flu, com o churrasqueiro e suas práticas nada legais de conduta, não dá.
que se f%#$odam esses dois...


agora, tenho uma pergunta que já fiz pra várias pessoas e ninguém ainda conseguiu me responder.
será que você pode me ajudar?

é o seguinte:
depois de ontem, onde será que o churrasqueiro vai comemorar o churrasco?

abraços

Maldita Futebol Clube disse...

Caro Diego

Uma nova era realmente. De austeridade, sobriedade, competência e sobretudo, adequação. Pés no chão. Não adianta prometer "mundos e fundos" sem ter como cumprir. Sem os discursos entusiasticos do MUV, de fila de investidores e etc, sem a ditadura Miranda, nefasta ao clube no fim. Toda ditadura é assim,no início flores, no fim lágrimas e sangue.
Temos que ter paciência, saber esperar sem sermos pacientes ao extremo. "Quem sabe faz a hora, não espera acontecer".A hora é essa, e o Roberto sabe disso. E não está esperando acontecer, está arregaçando as mangas e trabaalçhando com uma palavra que faltou em nosso clube ultimamente, honestidade. EU acredito, e você? Aliás debatemos isso em nosso último programa la na 540 am, segunda passada.União pelo bem do Vasco.SDS Vascainas.

Ana Paula disse...

Sou Ana Paula, vascaína de coração até morrer, Roberto Dinamite, parabéns por vc estar conosco nesta busca por nossos jogadores e nos ajude a recuperar a esses jogadores tão cabisbaixo, vamos lutar que o brasileirão não esta perdido.Edmundo vc é o vasco te admiro muito.Larguemos de derrota para o flamengo pois somos tão bons quanto os rubro negros. Valeu!