sexta-feira, 28 de março de 2008

Domínio total

Costumo dizer que toda análise de uma partida não pode se prender somente aos gols. O jogo de ontem comprova totalmente essa minha tese. Embora não tenha feito uma partida brilhante, o Vasco jogou praticamente a partida inteira no campo de ataque e tivesse mais capricho nas finalizações teria goleado com facilidade.
Com o caos no trânsito, só cheguei ao estádio após os 20 minutos, mas pelo que vi nos melhores momentos não perdi nada. Do que vi no primeiro tempo, pude observar que o técnico do América, Gaúcho, colocou o atacante Magno quase como um ponta esquerda, na tentativa de inibir as subidas de Wagner Diniz. Dessa forma, quem acabou subindo mais foi Calisto, auxiliado na maioria das jogadas por Leandro Bomfim. Em um bom cruzamento da esquerda, Alan Kardec cabeceou na trave. O Vasco seguiu pressionando e o goleiro Paulo Victor salvava o Mequinha. A primeira etapa acabou mesmo com a igualdade em zero.
O time voltou do intervalo sem alterações, mas manteve a postura ofensiva. Logo no primeiro minuto ameaçou com Alan Kardec e aos 4 nosso camisa 9 mandou mais uma na trave. Sampaio trocou o apagado Beto por Jean, que incendiou a partida com jogadas rápidas e de habilidade.
O gol demorava a sair e a torcida já começava a ficar preocupada, quando aos 23 minutos Leandro Bomfim cobrou falta da entrada da área e colocou no cantinho do goleiro americano. O curioso nesse gol é que ele foi idêntico ao marcado por Bomfim no jogo contra o Mesquita.
O time deu uma acalmada, o técnico tirou Morais e Edmundo para as entradas de Souza e Alex Teixeira, mas nem assim o América pressionava. Tiago só fez uma defesa complicada em uma cobrança de falta.
Quando o 1x0 parecia uma certeza, a equipe amplia em bela jogada pela direita. Souza desarma, toca para Wagner Diniz que dá bela enfiada de bola para Jean, que ganha do zagueiro na velocidade e toca com categoria na saída de Paulo Victor. O camisa 17 corre pros braços da galera, que parte em massa para o reverenciar no alambrado.
Vitória sacramentada e vaga praticamente assegurada nas semifinais. Só uma combinação de resultados absurda pode nos deixar de fora da fase decisiva, onde o time terá nova chance de mostrar seu valor, já que esse ano ainda não venceu nenhum clássico.
.
O time do América não merece a posição que ocupa. Vi os jogos do Vasco contra todos os pequenos e o Mequinha está longe de ser o pior. Tem um bom esquema, jogadores que sabem tocar a bola e um treinador inteligente. Por pouco não arrumaram um empate dentro de São Januário e agora começo minha torcida pela salvação do time rubro.
Como já era de se esperar, a formação usada no início do jogo por Sampaio não funcionou muito bem ofensivamente. Poucas jogadas foram criadas e o time, mesmo com total domínio na posse de bola, não transformou esse domínio em gols.
Somente com a entrada de Jean o time passou a finalizar mais e chegou a vitória. Na parte defensiva, pode se dizer que o sistema funcionou muito bem, já que não deu chances de ataque para o time rubro.
Na segunda etapa, com Jean no lugar de Beto, Jonílson virou praticamente um terceiro zagueiro, com os dois laterais avançando muito, assim como os meias. Uma goleada não seria nenhum absurdo. Aliás seria até mais merecida que em alguns jogos que goleamos sem tantos méritos.
Leandro Bomfim foi o grande destaque da noite. Não só pelo belo gol, mas principalmente por seus passes e lançamentos precisos. Calisto também esteve muito bem, pintando sempre com perigo na esquerda. Alan Kardec deu bastante opção de jogada, mas não estava em uma noite feliz nas conclusões. Souza entrou bem, mostrando bom passe e inteligência no meio. Jean incendiou o jogo e acabou premiado com o gol.
No América, destaque para o goleiro Paulo Victor que salvou o time de uma goleada.
Domingo, temos o Volta Redonda e a tendência é que Alfredo Sampaio poupe alguns titulares, além dos desfalques já certos de Jonílson e Wagner Diniz, suspensos pelo terceiro amarelo.

Pelo Estadual de Juniores, surpreendente derrota por 2x1. O gol vascaíno foi marcado por Éder (foto).
Mesmo com o resultado adverso, o time está classificado para as semifinais da Taça Rio, possivelmente em primeiro lugar. Na outra chave, deve se classificar a dupla fla-flu, seguindo o que ocorre no profissional. A nota triste fica para o Botafogo, que ano após ano decepciona nos campeonatos de base do Rio.

Respondendo aos comentários:

Aline - Meus pêsames a sua mãe, mas agora estamos juntos na torcida pelo Mequinha. Que baita pitaco hein, Leandro Bomfim foi o cara ontem. No BBB tava torcendo pelo Rafinha e ele ganhou :) Nossos meninos tropeçaram, mas continuam firmes na liderança. Sds!

Carlão - Espero que esse caso Leandro se resolva e ele pague ao Vasco a multa e siga seu caminho, quem sabe ai no Cruzeiro. Abraço

Lacalderadeldiablo - Um time pra jogar com vcs na inauguração do novo estádio? O Vasco..rs
Vinicius - Mais uma boa atuação do Jean e sobre o Leandro, já to cansado, mas tenho que informar aqui as novidades. Te aguardo aqui no Rio para visitarmos a Colina. Abraço
.
Sds vascaínas a todos!

8 comentários:

Fenrisar disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
CALIGULA disse...

El Vasco ha jugado un muy buen partido, lo hemos visto.

Se retira el Chapulín Romario??

Saludos de Buenos Aires.

Klaus disse...

Mais uma vitória, classificação assegurada e até Jean Carlos fazendo gol. Agora, o Vasco precisa ganhar maturidade e mostrar, para todos, que é capaz de bater os grandes.

Abraço, Louzada!!

Aline disse...

Nossa! Fiquei muito bolada... Justamente o Leandro Bonfim que eu citei no comentário foi o destaque do jogo... O.o
Mas estou sentindo que o time ainda não está 100% para as semifinais (com base no 1° tempo)... No 2° tempo postura foi mais ofensiva, bem melhor!
Temos que vencer o próximo clássico urgentemente! Não só pra provarmos que não ganhamos só de times pequenos, mas também pra dar moral ao elenco!
Não concordo com poupar os titulares... Temos que ir com força máxima agora, pra selar a classificação de vez! Não podemos dar sopa pro azar, ainda não temos nossa vaga garantida, e no futebol nada é impossível, nem mesmo uma combinação de resultados absurda!
Vamos abrir o olho!

Foi realmente uma pena os juniores
terem perdido, mas o importante foi a classificação!

Saudações Cruzmaltinas!

SãoPauliNa-RP disse...

Olaaaaaaaaaa Diego tudo bem?
to passando por aki pra te desejar um ótimo final de semana viu!!

Beijoss

Wilson Hebert disse...

Pô Diego, tá complicado pra você ir a São Januario hein! Tá sempre chegando atrasado...hehehe
Brincadeira hein!

O jogo foi isso aí mesmo. E mais uma vez um grande venceu um pequeno sem dificuldades. O América, está preocupante, porque mesmo os pequenos em desvantagens com os grandes, o América tem ido mal até contra os pequenos, principalmente foi assim no primeiro turno. E o Vasco, tem que levar as boas atuações tambem contra os grandes se quiser perder o rótulo de quarta força do Rio em 2008.

Arthur Virgílio disse...

O Ameriquinha não é mais o mesmo. Está se encaminhando uma semifinal entre Vasco e Fluminense. Será que o time ca Colina está pronto para eliminar o rival do estadual?

Vinicius Grissi disse...

O Vasco não tem um bom time. Mas tem um time, e isto é muito importante. O Alfredo Sampaio tem sido para mim uma grata surpresa.