segunda-feira, 28 de julho de 2008

À beira do abismo

Junte uma defesa atrapalhada com um árbitro fraco e caseiro. Acrescente um atacante boneca, que parece feito do seu sobrenome, Leite. O resultado é um jogo atípico, com três pênaltis e um resultado que não refletiu o que aconteceu no gramado da Vila Belmiro. Santos 5x2 Vasco e agora estamos a um passo da zona de rebaixamento e a luz amarela está acesa.
Repleto de desfalques, o time remendado do Vasco até que começou bem. Seguindo a linha do jogo contra o Fluminense, Lopes optou por duas linhas de quatro, com Rodrigo Antônio ajudando Wagner Diniz na direita e a dupla Edu/Madson na esquerda. Byro fez a função de primeiro volante, sendo ajudado por Leandro Bomfim, que tinha mais liberdade para sair para o jogo. Como reza a cartilha para um jogo fora de casa, o Vasco só saia na boa e fazia uma boa partida até sofrer o primeiro gol, feito por Molina em desatenção da defesa após cobrança de lateral.
Quando partia para o ataque, o Vasco era perigoso e o empate parecia questão de tempo. Mesmo com a vantagem, nosso adversário estava nervoso e mal distribuido em campo. Sua arma única era o veloz Maikon Leite, que toda vez que pegava na bola causava problemas pra defesa vascaína, principalmente para Byro. Em jogada de velocidade pela direita do ataque santisa, Maikon passou pelo nosso volante cacheado e caiu dentro da área. Pra mim não foi pênalti, mas ontem até se uma folha caísse na área o tal Bozzano marcaria. Kléber Pereira cobrou e fez 2x0 para o peixe.
Minutos depois o Vasco descontou em jogada área, com Leandro Amaral que a essa altura mal podia enxergar após ato criminoso do Domingos, mas isso é assunto pra depois...2x1 e prenúncio de reação, certo? Errado!
Em outra jogada pela direita, Maikon passa por Edu e mergulha na área. Outro pênalti estranho, o que não justifica a burrice do Edu. Podendo derrubar o cara fora da área, deixa ele chegar a área pra fazer o que ele queria, se jogar. Erro do nosso jovem lateral e mais um gol de Kléber Pereira. Peixe 3x1

Era hora de esperar o intervalo e preparar o time para o segundo tempo. Mas aos 48, Rodrigo Antônio recuou de forma bisonha para Tiago, a quem não sobrou outra alternativa a não ser dar uma banda em Maikon, cometendo pênalti claríssimo. Expulsão justa, que fez com que Edu saísse para entrada de Roberto. Bola no canto esquerdo e Santos 4x1 antes ainda do intervalo.
Com Madson na lateral esquerda, o Vasco até fez um bom segundo tempo. Chegou diversas vezes ao gol adversário e teve dois pênaltis não marcados pelo árbitro caseiro. Diga-se aliás, que não foram pênaltis absurdos, mas foram iguais os do primeiro tempo, mas o árbitro deixou passar batido. Sem conseguir marcar, o Vasco diminuiu o ritmo e o Peixe pouco forçava. Quando o jogo começava a dar sono, o gol aconteceu. Em cobrança de falta despretensiosa, a bola desviou na barreira e enganou o goleiro. 4x2!
O gol acordou o Santos que em mais uma jogada pela direita fechou o caixão. Peixe 5x2, uma goleada que não reflete o volume de jogo das equipes, mas mostra bem a fragilidade do sistema defensivo do Vasco, que só é agravada pela ausência de Jonílson, o guardião da grande área.
Quinta-feira temos um jogo decisivo. A pressão é grande e a vitória é mais necessária do que nunca. Um resultado negativo nos empurrará para a zona de rebaixamento e para um grupo com tantos jovens isso pode ter consequências irremediáveis. A força do caldeirão tem que aparecer pra cima do Galo mineiro, que vem de vitória e parece estar se recuperando.
.
Apesar do resultado desastroso, o time não jogou tão mal. Em vários momentos foi até melhor que o Santos, mas novamente pecou na defesa. Antônio Lopes nos dois últimos jogos achou o melhor esquema, com as duas linhas de quatro. Com o time completo, podemos vislumbrar dias melhores, com um meio formado por Jonílson, Bomfim, Madson e Morais, municiando Leandro Amaral e Edmundo. Por mais absurdo que possa parecer, Jorge Luiz faz muita falta, porque o eduardo Luiz irrita a cada dia mais.
Ontem a escalação de Byro surpreendeu. Nos jogos dos juniores, ele teve bastante destaque, mas creio que a melhor opção seria o Mateus, mais experiente e com mais qualidade no passe. O nervosismo do estreante ficou claro no pênalti cometido desnecessariamente. Aliás, sobre os jovens valores, uma constatação. Podemos estar queimando vários talentos jogando-os na pressão. Poucos são os que tem personalidade para entrar nesse momento complicado e carreiras podem ser prejudicadas, infelizmente.
De positivo ontem, a atuação de Madson, que foi o mlehor cruzmaltino em campo. Em sua segunda partida no meio-campo, foi coroado com um gol de sorte e vem mostrando que achou seu lugar na equipe.
De negativo, além da habitual fraqueza do sistema defensivo, destacao a tuação do árbitro Giuliano Bozzano. Sobre os três pênaltis, por serem lances de interpretação e erros da defesa não dá pra culpar o homem do apito. Porém, ele teve atuação fraquíssima em vários sentidos, como na condução do jogo, onde a bola não rolava. Qualquer encostão era falta, sendo várias delas inexistentes para ambos os lados. Isso beneficiou a atuação do Cai-Cai Leite, que saiu como destaque da partida.
Além disso, o juizão deve ter um caso de amor com o Domingos. O cidadão enfiou a mão direita nos olhos de Leandro Amaral e no mesmo lance com o cotovelo esquerdo acertou nosso atacante. Coisa de dar inveja a Mike Tyson. Depois jogou Alan Kardec na placa e distribuiu pontapés para todos os lados, além de cometer pênalti claro em Madson, não marcado. Como prêmio pela carnificina, saiu de campo sem sequer um cartão amarelo.
O Vasco não perdeu por causa da arbitragem, mas a atuação ridícula de Bozzano não poderia passar sem citação. Agora é preparar o time para quinta e que venha a vitória sobre o Galo.
Vale ressaltar um fato: Temos o 5º melhor ataque da competição, a frente de times como Cruzeiro e Vitória, que estão à nossa frente. Enquanto isso, temos a quarta pior defesa, melhor apenas que Portuguesa, Figueirense e Ipatinga. Com tanta dissiparidade não podemos almejar vôos mais altos na competição.
.
Respondendo aos comentários:
Munigalo - A recuperação do Vasco tem que vir contra vocês. Nossa situação tá feia e a de vocês já deu uma melhorada ontem. Abração!
Jorge - Essa zaga parece que piora a cada dia. Abraços!
Sobre o FC 2008 - Grande clássico e grande vacilada do Leandro, que perdeu gol feito.
Maldita FC - Eu quero o mesmo empresário do Marcus Vinícius. Com ele vou virar profissional. Grande abraço e parabéns pelo excelente trabalho. Sds!
Aline - Sensação indescritível de ver o Vascão ao vivo, neh. O time foi muito beme teve garra na quarta, dando azar de não sair com a vitória. Grande analise da partida. Ficou em que parte do estadio? Sds!
.
Sds vascaínas a todos!

11 comentários:

lais leitão disse...

nossa situação esta mesmo muito dificil,o madson ontem foi o melhor e pra falar a verdade como nao temos visto os jogos,foi a primeira vez que reparei no jogo dele e gostei do que vi.
as pessoas falam do vasco agora,como se fosse um time pequeno,concordo que a situaçao ta critica,mas o sentimento nao para e nao podemos perder as esperanças,vai melhor.
ate acho que vai demorar um pouquinho pra melhor,sem dinheiro pra contratar uma defesa que preste fica dificil,ja que é esse o problema.
vamos torcer pra quinta a vitoria ser nossa
sds cruzmaltinas

Munigalo disse...

Não sei se a arbitragem errou ou não, mas que esse Bozzano é péssimo dos péssimos, isto é...Que a defesa do Vasco continue cometendo erros infantins contra o Galo...E cuidado Pet vem aí...
hehehe
Jogão quinta hein...
Vai dar Galo...
Abraço

Rui Moura disse...

Lamento muito a situação do Vasco. Acredito que melhore substancialmente. Gosto do clube, embora seja botafoguense. E que o Fluminense fique por onde está.

Saudações esportivas

Sobre o Futebol Carioca disse...

o que esta acontecendo com o Vasco?
tem q reagir,ta perto do rebaixamento.

abraços
Léokope

Sobre o Futebol Carioca disse...

se der depois as o meu blog, ai no seu. blz?
abraço
léokope

fábio gomes disse...

preocupa-me o vasco.
torço para que a grandeza do clube o faça recuperar.
tudo isso, na minha modesta opinião, é legado do eurico miranda.
tenham paciência com o dinamite!

sobre o jogo, não vi os que ele "deixou" de marcar para o vasco. mas acho que os que ele marcou para o santos foram.

complemento o que você falou sobre o zagueiro domingos.
é impressionante como ele usa do expediente da porrada.
contra o botafogo, foi a mesma coisa e, assim como domingo, ele saiu ileso quanto a cartões.
ridículo!!!

força aí, vascaíno!

abs. e sds. botafoguenses!!!

Aline disse...

Novamente, desliguei a TV antes do fim do jogo... Na verdade, antes do fim do 1° tempo. No 3° pênalti, não suportei mais ver aquilo. Dói de mais!!!
Só digo uma coisa: Abre o olho, VASCO!

Fiquei na arquibancada amarela, atrás do gol do Tiago no 1° tempo.
Fiquei boba com a visibilidade! O Maraca é enorme, mas dava pra ver tudinho!!! Mesmo o outro lado do estádio. :)

Saudações Cruzmaltinas!!!

Pâm SãoPauliNa-RP disse...

Oii tudo bem????
Ai eu não conformo de vcs terem perdido pros sardinhas kkk
e foi feio fala sério Diego
seu time precisa se revisão urgente!!!!!!!

Filippe disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Filippe disse...

Parabéns pelo Blog. Juntos nós vascaínos faremos o Vasco a voltar a ter as grandes vitórias,

abraços

Filippe disse...

Coloquei seu blog lá no meu!!! Vamos trocar links?

abraços