segunda-feira, 23 de junho de 2008

Perdendo por não saber vencer

Em um jogo equilibrado, com muitas chances de gol de ambas as partes, o Palmeiras venceu o Vasco por 2x0 no Caldeirão de São Januário. Com o resultado, o Vasco caiu para a 12ª posição na classificação. O time volta a campo no sábado para enfrentar o Ipatinga novamente em casa.
Empurrado pela torcida e na base da garra e velocidade, o Vasco pressionou o Palmeiras desde o primeiro minuto. O time teve algumas chances, mas falhou à frente de Marcos. Com o tempo passando e o Vasco desperdiçando oportunidades, o time paulista passou a imprimir seu ritmo de jogo, chagando ao gol de Roberto algumas vezes na base do toque de bola. Com Valdivia totalmente anulado por Pablo, a armação ficava a cargo de Diego Souza e Martinez, que não possuiam a mesma qualidade do chileno.
A melhor arma do adversário eram as bolas pelo lado esquerdo de nossa defesa, se aproveitando da deficiência de Madson na marcação. Em uma delas Elder Granja cruzou com perfeição na cabeça de Alex Mineiro que testou forte para marcar o primeiro gol do jogo. Palmeiras 1x0 aos 36 minutos. Daí em diante o que se viu foi um festival de erros de passes do Vasco. Nitidamente o time ficou nervoso e o Palmeiras poderia até mesmo ter aumentado no fim do primeiro tempo.
No intervalo, uma bela cena. As torcidas se confraternizaram e até trocaram camisas e bandeiras. Sempre um jogo contra o Palmeiras é legal pela longa união entre as torcidas, que demonstram um clima de paz e cordialidade nas arquibancadas.
Antônio Lopes volta à campo com Alan Kardec no lugar do apagado Vinícius. Sem mudar as peças, muda o esquema, colocando Pablo mais fixo na direita e Anderson na esquerda, fazendo a cobertura de Madson, que fracassava na marcação. Jonílson ganha mais liberdade e demonstra muita disposição no apoio ao ataque. Wagner Diniz com mais liberdade se mostra uma grande arma e o time, a exemplo do primeiro tempo, pressiona nos primeiros minutos.
As chances se multiplicam, mas o gol não sai. Como no futebol o que importa é bola na rede, a pressão de nada adianta. Lopes tenta chegar ao gol com mudanças, colocando Bruno Gallo no lugar de Madson e Alex Teixeira no de Jonílson. Entretanto, quem balança a rede é o Palmeiras, com Kléber em bela jogada individual. Daí em diante, ficar em campo era apenas uma obrigação apra as duas equipes. Nada mais é criado e o placar termina mesmo em 2x0 a favor da equipe que soube aproveitar as oportunidades de gol que teve.
A derrota nos deixou em posição ruim na tabela, nos distanciando dos primeiros colocados e nos deixando próximos à zona de rebaixamento. Já são três jogos sem vencer e no sábado uma vitória é fundamental contra o Ipatinga.
.
No geral a atuação do time não foi ruim como o resultado leva a crer. Firme na defesa e criando chances de gol, não seria surpresa se o Vasco tivesse vencido. O placar de 2x0 pró-Palmeiras me pareceu exagerado. De toda forma não se pode querer vencer errando tantas finalizações.
Pablo foi o grande destaque individual do time. Anulou Valdivia e pintou bem na frente com velocidade e disposição. Jonílson também foi bem, marcando e apoiando com qualidade. Os atacantes correram bastante, mas pecaram nas finalizações.
O goleiro Roberto esteve firme e fez boas defesas, não tendo culpa nos gols sofridos. Vinicius conseguiu ser pior do que Morais vinha sendo, não justificando a barração do nosso camisa 98. Rodrigo Antônio errou muitos passes, inclusive o que deu origem ao segundo gol do adversário, terminando como o destaque negativo do time na partida.
A torcida mais uma vez deu show e estreou o belíssimo bandeirão da foto lá em cima, onde se pode ler: JAMAIS TERÁS A CRUZ, ESTE É MEU BATISMO! Show!
.
Respondendo aos comentários:
Saopaulina - Eurico agora tá mansinho...Beijos!
Aline - Nossa que show, engenharia Naval. Agora é esperar pra vermos como será o governo Dinamite. Sds!
Jorge - A Era ainda não acabou, temos que esperar um pouco ainda. Mas vai acabar e voltaremos a ser uma grande potência sob o comando de Dinamite. Abraços e sds!
.
Sds vascaínas a todos!

2 comentários:

Munigalo disse...

E ai Diego,
É seu time ta parecendo o meu, perde os jogos mais tranquilos de ganhar. E perder justamente por não saber vencer. São inúmeras chances perdidas, e depois prevalece o ditado que não faz, toma. Finalmente voltei a postar no meu blog, acabou o semestre na faculdade e ganhei um pouco de tempo.
Abraço

Carlão Azul disse...

Munigalo fala isso nao, Vascao e time campeao, de chegada. Que comparacao horrivel. hehehehe


Contava com uma vitoria vascaina. Se esse time do Luxa comecar a vencer ninguem segura....


Saudações Celestes
SITE/BLOG.....CRUZEIRO: O MAIOR DE MINAS
Sou Cruzeirense - Site
Sou Cruzeirense - BLog
ENTREM E SINTAM-SE A VONTADE